FANDOM


Thor

Thor, o Deus do Trovão

Thor era o deus do trovão na mitologia nórdica. Ele era filho de Odin e de Jord, e um dos deuses mais poderosos do panteão de Asgard. Ele é casado com Sif, uma deusa da fertilidade. Sua amante era a gigante Jarnsaxa ("lâmina de ferro"), e seus filhos eram Magni e Modi. Thor tinha ainda uma filha, Thrud. Thor é sempre acompanhado de Thialfi, seu servo e mensageiro dos deuses.

Thor é normalmente descrito como um homem muito grande e forte, com uma barba avermelhada, e olhos faiscantes, como se possuísem neles dezenas de trovões. Apesar de sua aparência feroz, ele era muito popular, já que era protetor tanto dos deuses quanto dos humanos contra as forças do mal. Ele conseguiu ser mais popular até mesmo que seu pai, Odin, pois ao contrário deste, ele não exigia sacrifícios humanos. Em seu templo, em Uppsala, ele é mostrado sempre ao lado direito de seu pai, Odin. Este templo foi substituído por uma igreja Cristã no ano de 1080.

Os vikings acreditavam que durante as tempestades, Thor estava a dirigir com sua carruagem pelos céus, puxada pelos carneiros Tanngrisni e Tanngnost. Relâmpagos cortavam os céus sempre que ele lançava seu martelo, Mjollnir. Thor sempre usava seu cinto Megingjard, o que dobrava sua já considerável força física, e uma pesada luva de ferro em sua mão direita, com a qual empunhava seu poderoso martelo. Sua morada era Bilskirnir, localizada na região de Thrudheim ("Morada dos Fortes"). Seu maior inimigo foi Jormungand, a Serpente de Midgard. Durante o Ragnarök, Thor conseguirá matar a grande serpente, mas sucumbirá em razão de seu veneno. Seus filhos herdarão seu martelo após a sua morte.

No universo de Ragnarök Online, o nome de Thor é citado na habilidade “Ira de Thor” (Lord of Vermillion), dos Bruxos, já que a magia consiste em uma grande tempestade de relâmpagos que varre uma grande área no campo de batalha. Também aparece na habilidade de Ferreiro "Martelo de Thor", simbolizando a enorme força do deus.

AutorEditar

Green Korn

FonteEditar

http://www.pantheon.org